6

Psicografia em Lorena 11/02/2010


Patricia, Claudia, minhas filhas.
Andrea, Thayná, meus amores.
Aqui estou na condição de abençoada por Deus pela família tão bonita que me recorda todos os dias na terra e pela oportunidade de acesso à escrita nesta noite.
Como ser infeliz deste outro lado da vida que apenas representa para mim o céu do coração de todos vocês?
Não poderia ser uma mãe ou avó triste. Vocês não permitiriam e não permitem.
Fico sim, preocupada com todas vocês e com meu velho que, na expectativa de completarmos quarenta e quatro anos de casados, hoje se vê cada dia, distanciando-se da realidade para preservar-se da mudança ocorrida em nossas vidas, desde que deixei o corpo.
Ah Anselmo! Não desejo vê-lo assim. Você prossegue na terra. Ainda que debilitado, é o pai de nossas meninas e netos que talvez aguardam de você um abraço apertado, um beijo carinhoso ou uma palavra otimista e alegre. Não se entregue assim, Anselmo. No momento certo, nos reencontraremos. Até lá, se cuida, cuidando dos nossos, sem implicância com a mamãe.
O seu coração é bom, Anselmo. Não deixe que a revolta ou a teimosia lhe façam sombra.
Receba o meu carinho e agradecimento por tudo, através destas linhas, meu companheiro. Precisamos de você.
Um dia irei vê-lo abraçar a mamãe por mim.
Patricia, estou feliz por observá-la mais segura, já que você sabe que a saudade nos pertence, mas a revolta ou a indignação não devem fazer parte de nossas vidas, já que em nossa convivência familiar, sempre teremos mais a comemorar do que a lamentar.
Também estou feliz por você ter decidido iniciar os estudos doutrinários que muito bem lhe farão, devolvendo a segurança que você precisa para sentir-se cada vez melhor.
Quem sabe, em breve, não irei trabalhar ao seu lado na psicofonia ou assisti-la na tarefa dos passes?
É o meu sincero desejo de mãe que deseja estar cada vez mais perto de minhas filhas.
Juntas, não iremos sofrer de saudade, porque iremos tratar da saudade dos outros, enxugando lágrimas e orientando os que sofrem a dor no corpo, ou na alma.
Então, você que cuidou de sua mãe, deixe agora que sua mãe cuide de você e que Jesus cuide de nós todos.
Claudia; compreendo a dor e a revolta que envolve o seu coração. São justas suas manifestações de inconformismo.
Também sinto saudade da nossa pequena Ayla e, também da nossa Carla, apesar de hoje ela estar tão diferente da boa moça que juntas convivemos, companheira e humilde.
...(conteúdo de ordem familiar).
Volte sua atenção para os que estão à sua volta...para a Thayná, para a Andrea que está aí do seu lado sendo uma boa companheira para você, para sua irmã, para seu pai, para o nosso Thiago, para todos os nossos, para o C.E. Joana Darc, procurando se inteirar mais desta doutrina santa que consola, esclarece e ilumina.
Por hoje, a cartinha é breve. Vocês sabem...não será a última, porque sessão sim, sessão não, o amor de vocês me trás para junto deste moço e me faz mover a caneta.
O avô João Toledo envia beijos e abraços à todos.
Vou beijando agradecida por tudo, o coração de todos vocês, rogando a Jesus que as inspire e fortaleça hoje e sempre.
Beijos Thayná...a vovó te ama.
Beijos Andrea...cuida da minha Claudia Regina.
Beijos Patricia
Beijos, meu Thiago

Sempre serei a mãe e avó que não os esquece.
Sempre a sua

Mercia Toledo Cesar
11/02/2010
Psicografia recebida na cidade de Lorena pelo médium Rogério H. Leite
ESTAMOS MUITO FELIZES!!!!!!!!!!
A cada dia nossa mãe está mais evoluida e iluminada
Deus te abençoe...minha mãe

6 comentários:

Jorge disse...

Patrícia,
que maravilha!!!
Uma mensagem de otimismo e incentivo.

Parabéns!!!
Jorge

Anônimo disse...

Obrigado Mercia, pela preocupação com a Mamãe, fico muito feliz, sei que o amor não acaba nunca, é igual ao nosso espírito é imortal, te amo muito minha irmã, estou estudando a doutrina espirita na Casa Espirita discipulos do Evangelho, comecei dia 07/02/10, fico feliz com o nossos encontros quando meu espírito se encontra com o seu através da viagem astral. Você tem recebido as flores que eu te mando?
Beijos minha irmã, que Deus te abençoe e Jesus te ilumine.
Do Irmão Querido Marcio

Kelly disse...

Oi Patricia minha amiga, fico feliz por vc e por sua mãe. Hoje meu paizinho se foi, lembrei muito de vc e por isso vim aqui e fiquei feliz em poder ler mais um recadinho da sua mãe. beijos

mãedoizinha Claudia disse...

Mãe...impossível não seguir suas palavras e conselhos que tanto nos acalenta a alma.
Seguirei seu conselho passo a passo, esperarei e um dia talvez tenha minha BB de volta !
Obrigada Mãe, obrigada pelas palavras, sei que como Mãe que é, sabe exatamente oque estou sentindo.
Te amo pra sempre.
Claudia Regina

Monica Loureiro disse...

Muito lindo este post...
Vontade de chorar...e ao mesmo tempo prosseguir fazendo o bem....Valeu....

Anônimo disse...

Não vos conheço, mas fiquei realmente comovido com as palavras e vejo que ela deve ter sido uma pessoa boa e de uma força muito grande. Deixo para os filhos desta senhora que possui um espirito lindo, um enorme abraço e que a força desta mãe esteja presente em todos os dias da vida desta familia. A dor da perda é realmente muito grande, mas tenham a certeza que foi somente um até logo, pois todos estarão juntos novamente um dia e seguramente ela esperará por todos voces. Contunuem o trabalho dela em terra, fazendo o bem, sempre vivendo com amor e alegria, ajudando a trasformar o mundo em lugar melhor para se viver.

Sintam-se abraçados e amados, pois o amor sempre curará a doença do espirito, mesmo que o corpo não compreenda tal cura.

Postar um comentário